sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Novas ideias sobre velhas teorias em negócios


Fala-se muito hoje sobre negócios na web, integração com redes sociais, empreendimentos de calda longa, entre muitas novas terminologias que, na realidade, não passam de modismos empregados a velhos conceitos.  A Internet veio provar a veracidade de velhas teorias da escola clássica de administração:

1. Ganhar cada vez menos sobre cada vez mais:  Os negócios de calda longa vêm comprovar o que há muito tempo já prevíamos.  Com o advento da Internet ficou mais fácil ampliar o espectro de clientes em nível nacional e até mundial, aumentando a escala, reduzindo o preço final para o cliente.

2. Segmentação - Foco:  Da mesma forma que a Internet oferece um mundo de oportunidades e possibilidades, o excesso de concorrentes de pequeno e médio portes exige uma segmentação cada vez maior do mercado.  Ganha mais aqueles negócios que conseguem estabelecer novos paradigmas dentro de áreas verticais.  Como exemplo disse, temos o EU VOU PASSAR, o maior portal de concursos públicos do Brasil.  O nome do negócio, por si só, já expressa o conceito de segmentação de mercado.  Gigantes do mercado mundial como a Microsoft, IBM, Google e Apple não param de lançar novas marcas para atender nichos específicos de mercado.

3. Reengenharia de custos:  Bem velho esse termo, não é?  Mas nunca esteve tão atualizado.  Na nova
economia do e-business, a redução dos custos é fator imprescindível para a sobrevivência das empresas.

Com a virtualização dos processos, cada vez mais se pode fazer com cada vez menos pessoas envolvidas, reduzindo vertiginosamente a necessidade de capital gasto na operação, permitindo que as empresas concentrem seus esforços no seu core-business.
Poderíamos aqui continuar discorrendo sobre velhas teorias e dar-lhes nova roupagem, mas vamos encerrar por aqui com os 7 segredos do sucesso para qualquer negócio na nova economia mundial:

I) Pioneirismo, sair na frente - quebrar paradigmas - INOVAR.
II) Qualidade, fazer melhor que ontem, racionalizar processos, entregar mais e melhor no menor tempo e custo.
III) Publicidade e Propaganda Inteligente, falar baixinho no pé do ouvido de cada um dos milhões de clientes em potencial nessa enorme rede chamada Internet.
IV) Foco, ser o melhor naquilo que se faz por fazer APENAS aquilo em que se é bom.
V) Ética, fazer a coisa certa, respeitando as pessoas e o meio ambiente.
VI) Resiliência, suportar as crises com resignação e persistência.
VII) Motivação - amar o que se faz, fazer com amor. A energia que move o mundo não é o dinheiro, mas a satisfação de ganhá-lo com o prazer de se fazer o bem às pessoas e ao planeta Terra.

Bons negócios!